{Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Ir em baixo

{Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Sex 15 Nov - 19:57






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________ Em algum lugar remoto do Canada, Cameron sentia muito frio e estava com medo. Estava ofegante e apoiava a mão em um pilar sujo e meio destruído de um arco, diante um templo no estilo budista, destes que antigas mansões japonesas tinham. Uma nevoa estranha pairava pelo lugar, em uma tonalidade cinza ao invés do branco puro que geralmente lhe atingia. O semideus havia corrido até ali para escapar de um furioso oponente invisível e torcia para não ter sido seguido. Mesmo sabendo que era indiferente, olhou para trás a procura do oponente. Ali em cima, o frio era intenso e o medo tocante. O semideus se aproximou da varanda que havia em frente ao templo e se jogou no chão, cansado. Seus olhos, pesados, se fecharam e ele se descobriu em uma terrível enxorada de pesadelos antes de sua morte definitiva naquela mansão para seu inimigo invisível cada vez mais próximo.
_________ Sua irmã o olhava de longe, chorando. Não queria que ele fosse para aquela maldita missão que Hécate lhe mandara, mas qual escolha tinha? A enigmática deusa jamais revelava tudo o que sabia ou planejava e a missão definitivamente lhe parecia precisar de urgência. O Canada também não parecia má ideia naquele momento. Mas mal sabia ele o quão certa sua irmã estava ao dizer para não ir ou o quão errado ele estava em achar que seria agradável no Canada. Quando chegara no lugar indicado, guiado pelo tourão da deusa, se deparou com uma velha casa em ruínas após uma floresta. A propriedade parecia grande e a casa tinha dois andares. Caminhou pela ponte e adentrou no pátio. O cheiro era forte, mas ele ainda não conseguia identificar muito bem do que era, além do cheiro obvio de decomposição. Dentro da casa, a coisa era pior. Havia sangue e resto de corpos por toda parte. O cheiro de mofo, decomposição e sangue se misturavam e causavam náuseas até no mais resistente semideus. Ali dentro, o frio era maior do que lá fora, algo estranho considerando que lá fora nevava bastante, mesmo não sendo inverno ainda. Ele estremeceu e olhou ao redor. Buracos no assoalho causados pelo tempo e na parede a esquerda uma porta. Foi até ela e a abriu com dificuldade: estava meio enferrujada na tranca. A porta rangiu e se abriu, dando para um corredor relativamente pequeno e em forma de T. Em cima, haviam várias cordas nas vigas. O rapaz fechou a porta e deu dois passos, com medo. Um homem translucido apareceu no final do corredor, atravessando diante do espelho e tudo ficou ainda mais gélido. Quando ele sumiu do outro lado, voltou a temperatura normal. Pensou em voltar, mas algo lhe dizia que seria impossível sair dali. Enfrentou o corredor temeroso, aquele filho de Deméter. Virou na direção que o fantasma virara e abriu a próxima porta, olhando para trás. A porta dava em uma especie de sala da lareira com uma escada para o segundo andar. Firme, caminhou e foi olhar um relógio do outro lado da sala, o pendulo se movia, mas os ponteiros não se moviam. Aquela casa de fato era esquisita. Foi aquela a hora que o primeiro oponente aparecera atrás dele: um fantasma com braços disformes e rosto deformado em raiva.

_________ No Acampamento Meio-Sangue, Markus acordou em sua cama no chalé de Afrodite, suando frio. Eos estava começando a cruzar o céu com o alvorecer. O semideus não queria ficar no chalé, decidindo então sair dele. Tomou um banho rápido, se vestiu e saiu. O ar fresco da manhã misturava o perfume dos campos de morango, com o cheiro selvagem da floresta e um leve frescor do mar afastado. A brisa secava os cabelos dele delicadamente. ─ Pesadelos, Markus? ─ Disse uma voz nas sombras. Uma garota de cabelos escuros e lisos, pele clara e olhos sem vida saiu das sombras. A garota, que ele se lembrava chamar Solaria, era do chalé de Hades e parecia estar ali a algum tempo. ─ Tudo bem, Hipnos me comunicou da mensagem que recebeu e me pediu para lhe entregar isto. ─ A jovem o entregou um par de espadas correntes. Ela sorriu de forma fria. ─ Tome cuidado na casa, meu senhor não irá atrás de sua alma caso morra. Entrarei em contato com alguns conhecidos para lhe fornecerem alguma ajuda por lá, é o máximo que posso fazer para ajudar. Alias, tenho uma sugestão para você: concentração espiritual intensa diminui a temperatura. Isso lhe alertará dos fantasmas caso tenha alguma. Argos está lhe esperando. ─ Depois de dizer isto, a semideusa deu as costas e foi para o chalé de número XIII. Uma brisa mais forte passou e pareceu seguir a semideusa mais sombria do Acampamento. Um corvo saiu do telhado do chalé de Hades e pousou no ombro dela. A morena exagerara no quesito ser sombria.

A Arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
Regras:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Sab 16 Nov - 8:34

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
  Pesadelos nunca foram bons para nenhum semideus. Sempre traziam mensagens ocultas dos deuses, ordens de missões suicidas e coisas do tipo. Desta vez, não seria diferente. Um garoto estava em um casarão abandonado, uma mansão de um falecido bilionário sem herdeiros, talvez. Eu conseguia sentir a queda de temperatura que acontecia em pontos específicos daquela casa, e eu tive certeza que não era uma coisa muito boa assim que vi o garoto ofegando, como se tivesse procurando por algum inimigo que não conseguisse achar. Eu já vira aquele garoto em algum lugar... No Acampamento, talvez? Ele deve ter sido alguém que partiu em mais uma missão suicida dos deuses. Mais um idiota que aceitou ser mais um peão no grande tabuleiro de xadrez divino.
  O pesadelo continuou. Pude observar vislumbres do garoto sendo atacado por seres translúcidos, caindo em armadilhas que "brotavam" naquela casa e, no final, o corpo do garoto morto estava lá, caído, junto ao monte de outros cadáveres. Aquela casa estava fuckin' amaldiçoada. O que quer que estaria ali, era algo muito poderoso, e muito bem guardado.
  Quando acordei, percebi que estava suando frio. O amanhecer estava apenas no começo, e eu não ficaria mais um segundo sozinho ali no chalé dez. Fui até o banheiro, tomei um banho quente e vesti-me. Tudo o que eu queria era ir para algum lugar para poder relaxar, ficar sozinho, esquecer o que aconteceu. Então, saindo do chalé, fui em direção aos campos de morango. Lá, só quem frequenta era os filhos de Dionísio e os de Deméter. Eles podiam ficar mais à vontade nos campos, mas com certeza eles não estariam lá naquela hora, era cedo demais para eles. O cheiro dos campos me atraía pra lá, mas parei, de súbito, ainda na área dos chalés. Algo não estava certo naquela área. Algo sombrio me observava. Voltei para frente do chalé de Afrodite e procurei, olhando em cada janela, em cada chalé, por alguém que estivesse me olhando. Eu não gostava daquela sensação... esquisita.
  ─ Pesadelos, Markus? ─ Disse uma voz nas sombras. Uma garota de cabelos escuros e lisos, pele clara e olhos sem vida saiu das sombras. A garota, que eu lembrava chamar-se Solaria, era do chalé de Hades e parecia estar ali a algum tempo. ─ Solaria...? Oi... não espera te encontrar por aqui... ─ Eu disse, tentando disfarçar o susto. ─ Tudo bem, Hipnos me comunicou da mensagem que recebeu e me pediu para lhe entregar isto. ─ Disse Solaria, enquanto destruía qualquer chance de uma conversa normal comigo. A jovem o entregou um par de espadas correntes. Ela sorriu de forma fria. ─ Tome cuidado na casa, meu senhor não irá atrás de sua alma caso morra. Entrarei em contato com alguns conhecidos para lhe fornecerem alguma ajuda por lá, é o máximo que posso fazer para ajudar. Alias, tenho uma sugestão para você: concentração espiritual intensa diminui a temperatura. Isso lhe alertará dos fantasmas caso tenha alguma. Argos está lhe esperando. ─ Depois de dizer isto, a semideusa deu as costas e foi para o chalé de número XIII. Uma brisa mais forte passou e pareceu seguir a semideusa mais sombria do Acampamento. Um corvo saiu do telhado do chalé de Hades e pousou no ombro dela. A morena exagerara no quesito ser sombria. "Très bizarre..." foi meu único pensamento. Argos estria me esperando, para quê?
  Se fosse para uma missão suicida dos deuses, provavelmente o gigante de cem olhos estaria me esperando na Colina Meio-Sangue. Até onde ele me levaria? E, aliás, para onde eu iria? Que tipo de deus estaria me enviando para tal missão? Vamos lá, checando os fatos: Hipnos enviou o pesadelo. Solaria, uma Ceifadora de Tânatos e filha de Hades, viera a meu encontro me dar conselhos. Hipnos, Tânatos e Hades. Três deuses submundanos estavam, supostamente, envolvidos nisso. "Alors nous y voilà..."
  Segui em direção à Colina Meio-Sangue, pensando encontrar Argos lá. Enquanto seguia meu caminho, estava manejando as espadas correntes que recebi, tentando descobrir se elas não se transformariam em algo mais fácil de se manejar.

arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:

tags; alguém. place; lugar. vestindo; link. com; um ser. em; um lugar.
credits ‹›

avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Sab 16 Nov - 9:13






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________ Na Colina, Argos estava encostado na já conhecida van. Ele ergueu alguns dos olhos para o rapaz e sorriu educado. Indicou a van com a mão e olhou para o céu. Ele não disse nada, não havia nada a ser dito naquele momento. Aparentemente, suprimentos já haviam sido fornecidos, pois havia uma mochila ali com algumas coisas para o rapaz comer e algum dinheiro. Havia uma passagem para o pais e também um pequeno bilhete escrito em tinta normal e em uma letra meio preguiçosa, como se a pessoa estivesse meio adormecida quando escreveu, em grego antigo.

Boa sorte, semideus.
Perdão por entrar em contato deste modo, mas senhor Hades proíbe contato direto, o que me fez enviar a mensagem por sonho e pedir para Solaria entregar a arma. O auxilio que ela mencionou irá.
Hipnos
_________ A viagem fora relativamente longa, mesmo sendo apenas até o aeroporto mais próximo. Argos as vezes fazia comentários, em uma tentativa de amenizar a tensão. Pelo menos no aeroporto as coisas estavam um pouco mais normais. Pessoas andavam de um lado para o outro, indo e vindo de aviões ou esperando seus conhecidos. Tudo perfeitamente normal. Agora... Para onde o semideus iria?

Regras:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Dom 17 Nov - 11:21

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
  "Então, Canadá é o meu destino", pensei enquanto lia o bilhete deixado por Hipnos pela terceira vez. A letra preguiçosa do deus do sono era difícil de entender, principalmente em grego antigo, que meu cérebro teve que ter um esforço extra pra traduzir as letras preguiçosas para letras comuns e depois traduzir pro inglês ou pro francês, as línguas que, tirando o grego antigo, eu conseguia dominar.
   Depois da sua décima tentativa de fazer algum comentário para me deixar animado, Argos chega no aeroporto mais próximo. Agora, eu estava sozinho. Peguei a mochila e os suprimentos deixados na van por Argos ou seja lá quem quer que fosse e transformo minhas novas "espadas correntes" em um colar com um pingente de duas espadas cruzadas. Como eu sabia que as espadas podiam se transformar naquilo? Só os deuses sabem. Era como se eu simplesmente soubesse.
  Pessoas agorafóbicas surtariam naquele aeroporto. Ele era incrivelmente cheio, com pessoas apressadas esbarrando uma nas outras, indo e vindo de grandes aviões e de aviões particulares. Com minha passagem para o Canadá na mão, vou para o que parecia ser a recepção do aeroporto, perguntando para o funcionário mais próximo aonde eu pegaria o avião para o Canadá, dando minha passagem para o funcionário poder analisar e me dar a resposta.



arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:

tags; alguém. place; lugar. vestindo; link. com; um ser. em; um lugar.
credits ‹›

avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Dom 17 Nov - 12:22






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________ O atendente pegou a passagem e conferiu os dados com o sistema. Tudo parecia estar certo, além do fato de nem metade do voo estar completo, mas possivelmente as pessoas deixavam mais para viajar nas férias ou no natal, não é mesmo? O rapaz sorriu e indicou um portão em um canto. ─ Ali você terá acesso a sala de embarque, seu portão é o numero oito e seu voo sai em meia hora. Boa viagem, senhor, e obrigado pela preferencia. ─ O rapaz sorriu e se virou para o próximo passageiro.
_________ Na sala de embarque, a confusão era relativamente menor do que a do lado de fora. No portão numero oito, dois adolescentes e uma criança de dez anos se arrastavam para dentro, aparentando não estar muito felizes. O garoto parecia ser o mais depressivo dos três ali e tinha o olhar de quem não perdia o menor detalhe. A loira reclamava alguma coisa com a mais velha, que não falava muita coisa. Os três, apesar das diferenças evidentes em aparência e personalidade, pareciam ser incrivelmente próximos. A morena olhou de relance para trás e, ao fitar Markus, ele percebeu os olhos cinza da garota. Ela sorriu e parou, seguida pela garota mais nova. ─ Hey, Gilan, espere! O que houve, Nataly? ─ A voz da garota era doce e ela falava meio preocupada. Gilan parou e se uniu a elas, sério. A jovem deixou o rapaz se aproximar e sorriu. Olhando mais de perto, aquela garota já estivera no Acampamento alguma vez. ─ Eu perdi o controle da telepatia sem querer... ─ Começou, abaixando a voz.  ─ Vamos para a aeronave por enquanto, mas se eu estiver certa teremos que trabalhar juntos quando chegarmos. Me procure quando pousar, caso você tenha vindo para... Aquilo. ─ Disse a garota, recomeçando a andar. A menor sorriu educada enquanto mexia os pés inquieta. ─ Prazer, sou Danielle von Horn. Nasci antes da guerra... Eles são Gilan Himuro e Nataly J. Crowley... ─ Disse, antes de se afastar e seguir os outros dois. Ela tomou a mão do rapaz desta vez. Ele disse algo, mas ela continuou de mão dadas com ele, rindo.

_________ Houveram várias turbulências durante a viagem, porém a maioria leve e sem causar muitos danos. Fora bastante entediante, porém estava próximo o suficiente do trio para poder vê-lo. A única adição havia sido um rapaz franzino que já estava lá quando eles chegaram, mas parecia pertencer ao grupo. A não ser o fato de parecer o mais distante dos três, era um pouco parecido com Gilan. Talvez fossem irmãos ou algo assim. Quando pousaram, pegaram as mochilas em seus colos e saíram assim que se possível, tentando agir o mais naturalmente possível. Quando saiu na área de desembarque, os quatro estavam parados, esperando alguma coisa e olhando cada um para um canto, fingindo conversar, apesar de parecem estar alertas.

Gilan:
Nataly:
Danielle:
Jaspier:

Regras e Observações:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.
- NPCs podem morrer e também podem abandona-lo, cuidado.
- Para auxilia-lo, deixarei eles nos grupos de origem deles mesmo que eles ainda não estejam aqui, caso venham a haver.
- Níveis ainda não foram determinados, mas são, por ordem de foto: Filho de Hécate e Menestrel de Orfeu. Filha de Atena e Protetora de Pã. Filha de Pã e Guardiã dos Ventos. Filho de Hécate e Ceifador de Thanatos.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Qua 20 Nov - 17:33

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
  Novos amigos semideuses, hein? Ha-ha. Como é ótimo saber que não vai morrer sozinho! Duas garotas, aparentemente poderosas e um garoto que parecia ser mais poderoso ainda - e emanava uma aura parecida com a da Solaria, no Acampamento Meio-Sangue - e, após embarcarmos, um outro garoto, franzino, parecido com o Gilan, juntou-se ao grupo.
A viagem fora longa, mas eu pude ouvir sobre o que os semideuses conversavam e, definitivamente, eles foram convocados para a mesma missão que eu. E outro fato: a maioria parecia ser bem mais experiente que eu, um simples filho de Afrodite... NÃO! Não um simples filho de Afrodite. Eu era o Conselheiro-chefe do Chalé Dez, um dos votos importantes nas reuniões do Conselho no Acampamento Meio-Sangue com Quíron e o Sr. D. Eu iria sobreviver àquela missão. Iria provar para os deuses trevosos que eu sou capaz!
Depois de desembarcarmos, todos viraram "tímidos" de repente. Fingiam conversar, estava claro que não sabiam o que fazer. Estavam no Canadá, e eu poderia ser útil para eles por conta de quase metade do país falar francês. Então, fui direto ao ponto:
─ O que pretendem fazer a partir de agora? Já estamos no Canadá. Eu posso ajudar se precisarmos falar francês... Aliás, sou filho de Afrodite e sinto que vocês não são só simples semideuses...


arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:
Level 1

Unhas Zig-Zag - Suas unhas crescem ficando com 15 cm. E podem até cortar madeira. [10 MP]

tags; alguém. place; lugar. vestindo; link. com; um ser. em; um lugar.
credits ‹›

avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Qua 20 Nov - 18:04






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________Eles observaram com cautela o garoto antes de responder, depois olhando ao redor para responder. Nataly era a mais alerta dos três, pelo visto. Novamente, a pequena parecia ser a mais sociável do grupo ou talvez a única que conseguisse manter-se sem chamar muita atenção por onde passava e com o que falava. ─ Ahm, eu sou filha de Pã. Jaspier e Gilan são de Hécate. Nataly de Atena. ─ Os três ergueram as mãos levemente e assentiram quando seus pais e nomes foram proferidos. Pã ainda tinha filhos? Eles existiam? Isso explicava o estado espiritual da garota: era tão alegre como a natureza na primavera em um lugar intocado pelo homem. Era difícil acreditar naquilo. Realmente difícil. E... Dois filhos de Hécate juntos? Thanatos deveria odiar aqueles dois. Quanto a Nataly, bem parecia preocupada com alguma coisa. Ela olhou para a menor e tossiu. ─ Vamos andando, acho que sei onde a casa fica. Danni, tente não fazer nada muito perigoso. Preciso mante-la viva... Você sabe, Protetora de Pã. ─ A última frase fora proferida para Markus.
_________ Danielle colocou as mãos atrás da cabeça e começou a andar com cara de criança culpada se passando por inocente enquanto falava algo sobre não se meter em perigo. Nataly a puxou pelo braço e começou a ir na frente, tocando um amuleto de pantera que carregava. Os outros começaram a andar e Gilan se postou ao lado de Markus. ─ Elas são assim mesmo. Danielle quase se matou em uma missão que fez um navio de umas cinco toneladas passar voando pelo Mar de Monstros. Quando ela decide ajudar um grupo, é tão extrema quanto a natureza... ─ Contou, com um sorriso em face. O irmão seguia entre os quatro, aparentemente vago as conversas. Pareciam um grupo de adolescentes quase comuns para os humanos que não prestassem atenção as conversas. Do lado de fora, Nataly olhou para eles, intrigada. ─ Danielle me lembrou um fato importante: Estou sem dinheiro daqui... Tem tempo que não sei o que é dinheiro mortal, na verdade. ─ A semideusa encarou a eles. Discutiram por um tempo o que fazer e depois entraram no taxi "de semideuses" quando jogaram um dracma no chão olhando para os lados preocupados. Os mortais possivelmente achariam que ele já estava ali, mas nunca era demais ficar alerta. Quando o carro surgiu, eles entraram rápido e Nataly pediu para leva-los a Banff. Durante toda a viagem, as discussões das irmãs estava presente. Quando chegaram na cidade, Nataly pediu para parar na primeira hospedaria e os três saltaram cansados da viagem. ─ Vamos descansar e dormir... Não é bom começarmos a missão assim... ─ Concluiu.

Regras e Observações:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.
- NPCs podem morrer e também podem abandona-lo, cuidado.
- Para auxilia-lo, deixarei eles nos grupos de origem deles mesmo que eles ainda não estejam aqui, caso venham a haver.
- Níveis ainda não foram determinados, mas são, por ordem de foto: Filho de Hécate e Menestrel de Orfeu. Filha de Atena e Protetora de Pã. Filha de Pã e Guardiã dos Ventos. Filho de Hécate e Ceifador de Thanatos.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Sab 23 Nov - 10:58

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
  Um dos pontos positivos era que eu não me sentia mais solitário; agora eu era parte do grupo. A cada segundo que passava conhecia mais os meus novos parceiros e ia me sentindo menos tenso em relação a missão, até o ponto em que Nataly disse que não possuía dinheiro mortal e todos concordaram, e o único jeito de sair dali era pegar o táxi das Irmãs Cinzentas. Aquela foi a situação mais constrangedora que eu já enfrentei, pois finalmente estava "sem chão". Não sabia sobre o que conversar com aqueles outros semideuses e se prestava atenção na conversa das Irmãs ou não. Então, para criar algum assunto, eu comecei a tentar falar com o irmão do Gilan.
─ Filho de Hécate, né? Percebi que você não é de conversar muito... Você deve ser tímido! Ha-ha. Creio que nos divertiremos muito ness... ─ ao continuar falando, eu percebi que diversão não era exatamente o que encontraríamos naquela missão. Então, depois da mancada que dei, procurei aonde Nataly estava naquele táxi e, quando eu a encontrei, puxei assunto.
─ Bem, filha de Atena... Sei que nossas personalidades são bem diferentes, e que você é a "líder" desta missão, mas eu quero que sejamos amigos. Preciso que confie em mim. Nós, filhos de Afrodite, trabalhamos muito com sentimentos e uma coisa aprendi nesse tempo que fiquei no Acampamento: confiança é o sentimento chave para tudo. Você confia em mim? ─ deixei aquela pergunta no ar, falando pausadamente.
Antes de poder me responder, chegamos ao nosso destino. Nataly pedira para as Irmãs Cinzentas para pararem na primeira hospedaria que vissem, e então, depois de todos soltarmos, Nataly dissera para o grupo:
─ Vamos descansar e dormir... Não é bom começarmos a missão assim...
─ Com que dinheiro pagaremos nossa hospedagem, Nataly? ─ perguntei.


arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:
Level 1

Unhas Zig-Zag - Suas unhas crescem ficando com 15 cm. E podem até cortar madeira. [10 MP]

tags; alguém. place; lugar. vestindo; link. com; um ser. em; um lugar.
credits ‹›

[
avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Seg 25 Nov - 9:43






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________ A tentativa de conversar com Jaspier fora totalmente ineficaz. Ele era realmente difícil de se conversar ou mesmo ficar muito tempo perto dele. Danielle, se apiedando um pouco, deu uma risada sem graça e olhou para o filho de Afrodite com um olhar travesso. ─ Bem, chutar o traseiro fantasmagórico de alguns inimigos deve ser divertido... Eu acho. ─ A tentativa de amenizar poderia não ter sido das melhores, porém pelo menos o clima havia ficado um pouco mais suave depois de alguém ter tentado descontrair o comentário infeliz do garoto.

_________ As palavras do rapaz, dirigidas a Nataly, fizeram que a garota prendesse o olhar nele por um bom tempo antes de responder. Ela parecia estar ponderando uma resposta, escolhendo as palavras certas, decidindo consequências, pensando em várias possibilidades... Caramba! A mente dos filhos de Atena pareciam não parar um minuto sequer e os olhos cinzentos deles enfatizava isso. ─ Não sei se é seguro confiar em você, porém a natureza também trabalha com confiança e, principalmente, com o tempo. Se Danni parece tão disposta a isso, confio em você. ─ Ao lado da filha de Atena, a semideusa da natureza falou alguma coisa sobre a natureza não compreender o bem ou o mal, apenas equilíbrio e desequilíbrio e, portanto, é fácil confiar quando o equilíbrio é mantido. ─ Espero que isso tudo termine bem... ─ O rapaz já havia tirado de dentro da blusa um colar com pingente de harpa e o removeu, fazendo o colar realmente virar o instrumento e dedilhou algumas notas. Pelo menos, servia para abafar o barulho das discutições vindas das irmãs. Por que ele não havia feito aquilo desde o inicio? ─ Oh, darling, please believe me. I'll never do you no harm. Believe me when I tell you, I'll never do you no harm. ─ Cantarolou, distraído. Um menestrel, definitivamente...

_________ Se o grupo havia ficado quase animado com a historia de descansar depois que saltaram do carro das irmãs, o clima voltou a pesar com a ideia de não terem onde descansar ou o que comer. Jaspier olhou ao redor, como se procurasse algo. Gilan ficou inquieto, pensando. Nataly voltou ao seu turbilhão de pensamentos e Danielle deu um sorriso. ─ Por que cada um não faz o que sabe? Gil sabe tocar e faz isso muito bem, podemos arrumar algum dinheiro com isso, eu acho. Eu posso arrumar algo para comermos enquanto isso.

Regras e Observações:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.
- NPCs podem morrer e também podem abandona-lo, cuidado.
- Para auxilia-lo, deixarei eles nos grupos de origem deles mesmo que eles ainda não estejam aqui, caso venham a haver.
- Níveis ainda não foram determinados, mas os grupos estão definidos. Gilan: Filho de Hécate e Menestrel de Orfeu. Nataly: Filha de Atena e Protetora de Pã. Danielle: Filha de Pã e Guardiã dos Ventos. Jaspier: Filho de Hécate e Ceifador de Thanatos.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Seg 25 Nov - 17:28

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
__De acordo com a ideia de Danielle, cada um faria o que sabia fazer de melhor para ganhar dinheiro, arranjar comida ou abrigo para nós descansarmos, mas minha mente entrou em um universo paralelo, onde eu me encontrava com todas as minhas personalidades: o filho de Afrodite impulsivo e confiante, o jovem carismático e o garoto solitário. Sempre que acontecia isso, coisas não muito boas eram cantadas pelas minhas versões mais estranhas que eram abrigadas por minha mente, o que significava, na maioria das vezes, que eu estava confuso.

Fazer algo de útil? Você não presta pra nada! Você não pode ajudá-los, Markus. É só mais uma pedra no caminho deles, e a filha de Atena deixa isso claro toda vez que fala contigo...
Cale-se, Markus solitário!... Mark, você é carismático, lindo e de fácil-conversa. Pode conseguir as coisas que mais deseja, se usar as palavras e a entonação certas...
Mostra pra eles quem é que manda, Markus! Você tem que liderar essa missão. Você sonhou com a mansão, não foi? Você recebeu a carta de Hipnos, certo?! Então, lidere! Encante-os, roube usando suas unhas e sua lábia se for preciso, mas aja como líder!


__E foi assim por mais alguns minutos em minha mente, até que a discussão parou e eu achei a resposta do que poderia fazer.
─ Eu posso ir até a loja de conveniência mais próxima e... "conseguir"... comida, bebida, e, talvez dinheiro. O que acham? E quem me acompanharia?
__Eu utilizaria de tudo para conseguir o que o grupo desejasse. Minha meta era liderar, tirar todos vivos daquela missão, e simples imprevistos mortais não estragariam a minha primeira - e talvez última - missão. Eu poderia assaltar a loja com as minhas unhas super afiadas, ou tentar convencer os lojistas a me darem as coisas de graça, simplesmente porque sou bonito. Era assim que funcionava com a maioria dos meus irmãos. E, talvez, se fosse o caso, eu poderia até me prostituir para conseguir o dinheiro. Não, esta última parte só quando o recurso for realmente o único jeito.


arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:
Level 1

Unhas Zig-Zag - Suas unhas crescem ficando com 15 cm. E podem até cortar madeira. [10 MP]
post; #004 place; Canadá. vestindo; link. com; semideuses em; sei lá.
credits ‹›

;

_________________


markus petrovich romanov
i miss her, even thought she still here. all she has and all she's lost, i wish she could remember
thank you, thay.
avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Sex 29 Nov - 11:50






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________ Todos pareceram concordar com a ideia, mesmo que roubar ou seduzir alguém não fosse necessariamente algo que todos apoiavam, mas dane-se: todos precisavam do dinheiro e do que se alimentar, não é? Os fins justificavam os meios no mundo imortal e semideuses aprendiam aquilo rápido. Nataly foi com ele e até tentou conversar, mesmo com alguma dificuldade. Jaspier decidiu verificar as redondezas e Danielle e Gilan foram procurar alguém que falasse inglês para procurar informações sobre as redondezas do lugar. Todos haviam concordado em se encontrar ali dentro de uma hora e meia, tempo suficiente para todos conseguirem o que desejassem.

_________ Em uma loja de conveniência que eles pararam, havia uma morena de longos cabelos castanho-médio, olhos azulados, pele rosada e um perfume floral atraente. Estava atendendo um cliente e falava um francês fluente, com direito até mesmo a sotaque. Quando o rapaz se afastou, ela se virou para os semideuses e deu um sorriso branco, animado. ─ Bonjour, puis-je les aider? ─ Perguntou. Deveria ter cerca de uns dezoito anos.

Regras e Observações:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.
- NPCs podem morrer e também podem abandona-lo, cuidado.
- Para auxilia-lo, deixarei eles nos grupos de origem deles mesmo que eles ainda não estejam aqui, caso venham a haver.
- Níveis ainda não foram determinados, mas os grupos estão definidos. Gilan: Filho de Hécate e Menestrel de Orfeu. Nataly: Filha de Atena e Protetora de Pã. Danielle: Filha de Pã e Guardiã dos Ventos. Jaspier: Filho de Hécate e Ceifador de Thanatos.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Sab 30 Nov - 8:25

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
__Depois de um tempo andando, tentando criar assuntos que não existiam entre nós, tentando criar o mínimo possível de uma ligação de confiança por meio de conversas, quase sempre com certa dificuldade, Nataly e eu chegamos a uma loja de conveniência.
Ao chegarmos lá, vimos uma jovem falando em francês fluente com um cliente. Quando o rapaz saiu, a atendente nos olhou e perguntou em francês, com o rápido e despojado sotaque canadense, se ela poderia ajudar em alguma coisa. Não sabia se ela falava inglês, então soltei em francês:
__─ Oui... oui, vous pouvez. Nous tenons à... Mise en cadeaux ─ digo, dando uma piscadinha de olho para a jovem que nos atendeu.
__Olho para Nataly, com um pedido de ajuda no olhar. Eu não sabia o que fazer, não sabia se podia mesmo simplesmente convencer a lojista a me dar coisas de graça, e, se eu tivesse que roubar, não poderia usar a arma que a Solaria me dera, por não saber como a canadense reagiria. Então, me viro para a canadense e pergunto: ─ Parlez-vous anglais?
__Me preparando para qualquer imprevisto, utilizo parte da minha habilidade "Unhas Zig-Zag", e deixo minhas unhas da mão crescerem apenas cinco centímetros. Se qualquer coisa acontecesse, deixava elas crescerem mais dez e me preparava para o ataque.
__Quando um pensamento estranho me ocorreu, olhei para todos os cantos do teto da loja de conveniência, procurando por câmeras instaladas ali.


arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:
Level 1

Unhas Zig-Zag - Suas unhas crescem ficando com 15 cm. E podem até cortar madeira. [10 MP]
post; #004 place; Canadá. vestindo; link. com; semideuses em; sei lá.
credits ‹›


_________________


markus petrovich romanov
i miss her, even thought she still here. all she has and all she's lost, i wish she could remember
thank you, thay.
avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Seg 2 Dez - 17:02






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



_________ A loira definitivamente não parecia disposta a colaborar com os semideuses. Quando o rapaz perguntou se ela falava inglês, ela meneou a cabeça e olhou para Nataly, que deu um sorriso. Mesmo não tendo o charme de uma filha de Afrodite, era hábil com as palavras e era inteligente. Deu de mão e olhou ao redor, expressão um pequeno desprezo ou superioridade. Possivelmente era tudo parte de algum plano friamente calculado pela filha de Athena. ─ Mark, tem certeza que é esta loja que estamos avaliando? Não creio que mereça a primeira pagina. Se tivesse um agradinho, poderíamos desconsiderar os pontos ruins e elogiar a loja... ─  Nataly se encarregou de colocar todo o sotaque americano dela na fala e revirou os olhos, dando de mão. A postura dela expressava claramente a arrogância de uma jornalista renomada.

_________ A vendedora observou os dois por um tempo antes de falar e, quando falou, estava decidida a não ajudar. ─ Vocês dois são os clientes mais esquisitos que eu já vi, mas... O que esta olhando? ─ Ela parou e olhou para algumas câmeras, acompanhando o olhar do filho de Afrodite. Nataly aproveitou essa hora para alertar o garoto para atacar e pegou a flauta, tocando uma melodia parecida com Bigger Than Love. A madeira do assoalho e teto ficou sob o comando da garota, que aos poucos foi tapando a visão das câmeras e dando ao jovem a chance de ataca-la. Em termos de resistência, não foi difícil nocauteá-la, afinal era uma humana comum. Ainda tocando, Nataly fez um pequeno e contido pedaço de madeira acertar-lhe a cabeça e depois expandiu a "redoma" para a madeira danificar as câmeras e voltasse aos seus lugares de origem. Não estavam muito danificadas, mas pelo menos a maioria não estava pegando ou funcionava mal. Nataly olhou para ele e deu de ombros, parando de tocar. ─ Podemos pegar o que quisermos agora... ─ Depois de dito isso, a campista olhou para fora e foi atrás de uma mochila para jogar todos os suprimentos e dinheiro que pudesse pegar.

Regras e Observações:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.
- NPCs podem morrer e também podem abandona-lo, cuidado.
- Para auxilia-lo, deixarei eles nos grupos de origem deles mesmo que eles ainda não estejam aqui, caso venham a haver.
- Níveis ainda não foram determinados, mas os grupos estão definidos. Gilan: Filho de Hécate e Menestrel de Orfeu. Nataly: Filha de Atena e Protetora de Pã. Danielle: Filha de Pã e Guardiã dos Ventos. Jaspier: Filho de Hécate e Ceifador de Thanatos.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Markus P. Romanov em Qua 11 Dez - 15:16

and i will love you, baby... always! and be there forever eternety, always...
__Enquanto Nataly procurava por suprimentos, também tentei procurar por alguns. Canivetes seriam necessários. Biscoitos e bebidas, também. Procurei, principalmente, por suprimentos que pudessem nos manter aquecidos. Alguma bebida alcoólica, biscoito com pimenta e coisas do tipo. Procurei por cada item e peguei tudo o que eu encontrei pela frente, e, enquanto eu ia em direção a caixa registradora, falei com Nataly. ─ Pegaremos tudo que tiver ou deixaremos alguma coisa? ─ e cumpri com o que ela me disse, quebrando a caixa registradora (jogando-a no chão) e pegando a quantia necessária. Para pegar os itens mais difíceis, ter que quebrar/perfurar vidros e coisas do tipo, eu usei minhas unhas Zig-Zag, e deixei-as ativadas ainda, para o caso de algum imprevisto acontecer.


arma:
Exorkismós {Um par de espadas correntes que se transforma em colar com duas espadas cruzadas como pingente. São feitas de ferro estígio e prata e suas correntes se estendem por até 15 metros a vontade do usuário. Parece absorver essência de fantasmas e se fortalecer com ela. Tem uma aura de morte fraca, talvez por ser preveniente do Submundo.}
poderes passivos:
Level 1

Beleza indescritível – Como filhos da deusa da beleza, os filhos de Afrodite são extremamente bonitos.
Perícia com chicotes – Os filhos de Afrodite, sem mesmo nunca ter usados, sabe usar os chicotes demasiadamente bem.
Perícia com correntes – Todos os filhos de Afrodite também sabem usar correntes extremamente bem, sem mesmo nunca ter usado antes.
poderes ativos:
Level 1

Unhas Zig-Zag - Suas unhas crescem ficando com 15 cm. E podem até cortar madeira. [10 MP]
post; #004 place; Canadá. vestindo; link. com; semideuses em; sei lá.
credits ‹›


_________________


markus petrovich romanov
i miss her, even thought she still here. all she has and all she's lost, i wish she could remember
thank you, thay.
avatar
Markus P. Romanov
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 16
Data de inscrição : 02/11/2013
Idade : 19
Localização : Camp Half-Blood

Ficha Meio-Sangue
HP:
130/130  (130/130)
MP:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Hécate em Dom 15 Dez - 19:16






Don't forget your duty!

You won't cry for my absence, I know, you forgot me long ago. Am I that unimportant? Am I so insignificant? Isn't something missing? Isn't someone missing me?- q



___ Agora, com uma boa quantia de dinheiro e coisas para se alimentar e novas roupas, os campistas não haviam com o que se preocupar. Com tudo caminhando dentro da mais perfeita normalidade, por que ligar, não é? Se reuniram com os outros no lugar que se separaram. Em voz baixa, os outros contaram o que haviam conseguido: Jaspier havia achado indícios de presenças espirituais nas redondezas daquele prédio, mas eram antigos e não mereciam atenção imediata da parte deles, pois seja o que fosse havia ido embora a pelo menos duas semanas. Gilan e Danielle haviam descoberto que havia as ruínas de uma mansão nas montanhas perto da cidade e, se tudo estivesse certo, seria as ruínas que eles procuravam para aquela missão. Depois de dividirem as descobertas entre si, todos se dirigiram a pousada para descansarem. Por mais empolgados que estivessem, estavam todos cansados demais para seguir em frente naquele momento.

___ Parte do dinheiro foi utilizado para pagar a estadia daquele dia. Eles comeram e beberam até saciar a vontade, depois subiram para se lavar e dormir, porém o sono, como sempre ocorria com semideuses, não fora dos melhores para o quarteto meio divino.

xxx
___ No sonho, uma mulher de madeixas escuras se mostrou diante dos cinco reunidos. Trajava um vestido negro e portava uma tocha acesa, com fogo esverdeado e bruxuleante. Seus cabelos escuros estavam soltos e caiam sutilmente sobre o ombro esquerdo. Seus olhos eram levemente roxos. Mesmo com a tocha acessa, o lugar estava um breu total. Os campistas sabiam que havia alguma criatura aos pés da mulher, ou talvez duas. A linha dos lábios se curvaram sutilmente em um sorriso ao ver os semideuses e deu um passo a frente. Uma aura magica saia da mulher, palpável mesmo para quem não tinha intimidade com esta. Seus olhos verdes, como uma esmeralda, esquadrinhavam eles com educada atenção.

___Olá, semideuses. Sou Hécate, divindade que lhes enviou aqui. Morfeu me cedeu alguns minutos dos sonhos de vocês para contar o que está havendo na mansão. Por algum motivo, que não posso lhes dizer, a alguns anos mortes horríveis ocorreram na mansão e sempre que alguém vai para a mansão está fadado a morrer. Aquele semideus que você, Markus, viu em seu sonho era um aspirante a meu seguidor e, infelizmente, faleceu. Estejam preparados para enfrentar inimigos poderosos e insistentes.

___ A visão tremulou um pouco, como se a mulher fosse feita de névoa. Alguma coisa parecia estar interferindo na "transmissão" daquele sonho. A deusa olhou para cima e depois voltou a olhar para os campistas.

___Alguma divindade maior parece não muito satisfeito com isto. Não posso falar muita coisa a vocês, creio não ter mais tempo. Na mansão, vocês conseguirão mais pistas. Usem o dia para descansar. Boa sorte e... Não morram.

___ O sonho se encerrou ali, deixando os semideuses com um resto de sono sem sonhos ou mais perturbações.

xxx
___ Quando os campistas acordaram, os quartos estavam na mais perfeita ordem. Depois de se arrumarem e comerem mais alguma coisa na pousada, eles sairão. Eles dormiram desde o dia anterior, pois por algum motivo eles haviam estado extremamente cansados. Jaspier lhes guiou rumo a suposta ruína, a caminhada gastando longas três horas e meias. Chegaram cansados, suados e com um misto de irritação e ansiedade.

___ As ruínas tinham a mesma aparência do sonho de Markus e, conforme entravam na mansão, o fedor era ainda pior do que ele imaginava ser possível. A mansão parecia ser uma versão mundana do Submundo, com uma intensa pressão espiritual. Antes de cruzar o portão do pátio externo, o filho do amor imaginou ter visto um vilarejo distante. Havia apenas uma adição que não vira no sonho: até mesmo no pátio haviam marcas de sangue. Algum espirito parecia estar ali no pátio, próximo a eles, próximo a uma grade antiga. Era escolha dos semideuses se aproximar ou não, mas seja o que fosse parecia não ser algo ofensivo. Quando se dirigiram ao interior da casa, a madeira rangeu e eles tiveram uma imagem em algo que, um dia, devia ter sido uma sala de estar, mas que hoje apenas restavam ruínas escuras.

___ Havia um pequeno potinho vermelho com um bilhete embaixo em um canto da sala, oposto a uma porta enferrujada. Será que seria seguro ir ver o que era? Pelo menos ali, não havia nenhuma presença espiritual, não próxima pelo menos. O piso da sala parecia ser seguro, mas estava com alguns buracos onde a madeira havia cedido um pouco, mostrando estar cerca de meio metro acima do chão.

Regras e Observações - Comuns:
- Estou dando a Espada Corrente por não ter presentes de reclamação, ela se fortalecerá conforme derrota os fantasmas e é capaz de atingi-los.
- Não há requisito de linhas, mas leve em consideração que quanto melhor explicado estiver, maior índice de sucesso.
- Poderes, habilidades e armas em spoiler.
- Quatro dias para postar.
- Não me de motivos para mata-lo, por favor.
- NPCs podem morrer e também podem abandona-lo, cuidado.
- Para auxilia-lo, deixarei eles nos grupos de origem deles mesmo que eles ainda não estejam aqui, caso venham a haver.
- Níveis ainda não foram determinados, mas os grupos estão definidos. Gilan: Filho de Hécate e Menestrel de Orfeu. Nataly: Filha de Atena e Protetora de Pã. Danielle: Filha de Pã e Guardiã dos Ventos. Jaspier: Filho de Hécate e Ceifador de Thanatos.


valeu @ cács!


_________________



Hécate


I have died every day waiting for you... Darling don't be afraid, I have loved you for a thousand years. I'll love you for a thousand more


thanks brittany from @ bg!

avatar
Hécate

Mensagens : 103
Data de inscrição : 01/11/2013

Ficha Meio-Sangue
HP:
100000/100000  (100000/100000)
MP:
100000/100000  (100000/100000)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://demigods-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {Missão} The Cursed Mansion, Parte Um

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum